É muito triste o que vou dizer agora, mas é uma realidade: SEU PROVEDOR MENTE PARA VOCÊ!

Abro um parênteses aqui: Temos total certeza de que o crescimento da Vivavox Telecom está diretamente proporcional a transparência que ela tem com os seus clientes! Costuma-se dizer que “filho feio não tem pai”, mas se em determinado problema a culpa for da Vivavox, somos os primeiros a assumir o “filho feio”, independente das consequências.

O que os provedores não entenderam é que é mais digno assumir um possível erro, do que quebrar o elo principal em uma parceria: a confiança.

Dito isso, afirmo: Nem todo provedor mente, mas a maioria sim!

Vamos abrir para você uma das principais mentiras que seu provedor te conta e muita das vezes não entendemos o porque.

 

mentira_edsonInúmeras desculpas surgem para tentar justificar esse problema do provedor, mas o problema na maioria das vezes é capacidade. O pior é que não existe solução. Para você entender melhor, vamos explicar a dinâmica dos provedores.

Um provedor trabalha da seguinte maneira: Ele compra de um fornecedor uma capacidade grande e vende essa capacidade picada. Compra no atacado e vende no varejo. Até aí, tudo bem! O problema é que a maioria dos provedores vendem mais do que compram. Dessa forma, em horários de picos ele tem uma demanda maior do que possui contratado.Isso ocasiona exatamente o problema relatado: em determinados horários a internet fica muito lenta e em outros fica normal.

Para você entender melhor o motivo da queda de qualidade é só imaginar a internet como um funil de cabeça para baixo, onde a boca larga é tudo o que o provedor já vendeu no varejo e a boca estreita é o que ele tem comprado no atacado. Se todos quiserem entrar pelo funil ao mesmo tempo irão conseguir? Com certeza não! É nesse momento que a internet fica lenta, com perda de pacotes e até mesmo quedas.

 

Reiniciar o equipamento interno não resolverá o problema, pois a causa é falta de capacidade da rede do provedor. E certificando-se que os testes do cliente tenham sido feitos no cabo, é impossível penalizar a rede Wi-Fi como causadora do problema. Por isso, que é obrigatório realizar os testes feitos pelo cabo. Ele que vai te mostrar se realmente é o Wi-Fi ou se é uma tentativa de protelar o problema.

 

Para solucionar esse problema é necessário que o provedor invista na compra de mais banda com o seu fornecedor, assim ele irá aumentará a vazão do funil. A regra que deveria ser adotada pelos provedores é sempre possuir banda suficiente que consiga atender a sua demanda.

 

CONCLUSÃO

Existem inúmeros problemas que podem afetar a qualidade de sua rede, aconselhamos cuidado, pois eles podem lhe confundir na análise descrita acima. Interferência de canal Wi-Fi e saturação de link interno local também podem gerar sintomas parecidos. Tenha sempre em mente que seus testes devem ser feitos no cabo e que as lentidões também estejam refletindo no cabo, só assim será possível ser assertivo quanto ao problema citado no post.

O intuito do post é tentar mostrar que existe um elo que foi rompido em algum momento do ciclo de vida do cliente nos provedores: a confiança e o respeito. A Vivavox, como provedora, fica decepcionada ao saber que empresas parceiras no mesmo setor tenham pedido essa visão. Entendemos que situações em que mentiras são faladas para protelar um problema ou esconder uma realidade acaba doutrinando os clientes a nunca acreditarem em empresa alguma de telecomunicações.

Sonhamos com um mercado honesto em que as empresas fidelizem seus clientes pela qualidade do serviço e pós-venda impecável. Por esse motivo, deslocamos esforços para ensinar aos clientes como contratar serviços de qualidade e se precaverem quanto  artimanhas ou omissões de alguns provedores.

Se você está nessa situação de mudança de provedor, ou insatisfeito com seu provedor atual, acesse nosso conteúdo: Como contratar uma internet de qualidade. Vale a pena! É um checklist com as principais perguntas técnicas que devem ser feitas ao seu provedor atual ou ao desejado. Ao final, você terá um raio-x da empresa e se deve ou não investir nele como um provedor.

Esperamos que o conteúdo tenha sido útil,

Até o próximo post,

unnamed

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.